Ana Brenda Contreras (Ana Paula) e José Ron (Gustavo) são protagonista da novela mexicana A Que Não Podia Amar

Home » Televisão

SBT diz que mudança na abertura das novelas mexicanas faz parte de sua estratégia

  • - em 23 de maio de 2019

As drásticas mudanças nas aberturas das novelas mexicanas exibidas pelo SBT vêm causando freqüentes discussões nas redes sociais entre fãs e telespectadores da emissora. Com a estreia da tão aguardada A Que Não Podia Amar, as críticas do público se tornaram ainda maiores.

Em resposta ao site Observatório da Televisão, o SBT explicou que as mudanças ocorrem em decorrência das estratégias e ajustes pontuais da programação da emissora, pois as versões originais costumam ser longas e com informações em espanhol, algo não adequado ao público que acompanha a emissora do baú.

Atualmente, o SBT possui duas mexicanas no ar, A Que Não Podia Amar, já citada nesta nota, e a reprise da novela A Dona (Soy Tu Duenã), folhetim protagonizado pelo trio Lucero, Gabriela Spanic e Fernando Colunga.

Outro exemplo recente que chamou a atenção do público que assiste a emissora de Silvio Santos, foi a abolição da abertura da série A Rosa dos Milagres (tirada do ar com apenas duas semanas de exibição). A produção católica da Televisa teve sua abertura retirada do ar sem nenhuma explicação, o que causou indignação entre os fãs do canal.

Fonte: Observatório da Televisão

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Ver também