Home » Televisão

Audiência ruim? Globo perde patrocínio da novela das seis para 2020

Desde terça-feira (1), a Johnson & Johnson, uma das maiores empresas de utensílios pessoais do Brasil, decidiu não renovar o contrato de patrocínio especial para a novela das seis da Globo. Durante todo o ano de 2019, a empresa sempre “oferecia” a novela do horário. Desde o primeiro dia do ano, a novela não tem mais o oferecimento da empresa.

Tal cota estava garantida até 31 de dezembro de 2019, e até o momento, nenhuma empresa decidiu comprá-la. O valor é na casa de R$ 10 milhões para o horário hoje ocupado pela história escrita por Ângela Chaves, a partir da obra literária de Maria José Dupré, além de versão anterior de Silvio de Abreu e Rubens Ewald Filho. No horário das sete, a empresa Sadia continua anunciando como marca que oferece a novela exibida – no caso, Bom Sucesso, de Rosane Svartman e Paulo Halm.

Quem também perdeu o patrocínio foi o horário das 21 horas, que atualmente exibe Amor de Mãe. A empresa de cosméticos Avon, que patrocinava o horário em 2019, também deixou de oferecer a atual novela das nove da emissora.

Fonte: Observatório da Televisão

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Ver também