Sérgio Chapelin no Globo Repórter. (Reprodução: TV Globo)

Home » Televisão

Após 47 anos de Globo, Sérgio Chapelin fala sobre aposentadoria

  • - em 15 de agosto de 2019

Sérgio Chapelin deixará o comando do Globo Repórter, que apresenta desde 1996, e irá se aposentar. Contratado da TV Globo desde 1972, o jornalista, que já está com 78 anos, será substituído por Sandra Annenberg, que formará dupla com a já apresentadora do programa, Glória Maria.

“O meu tempo passou”, declarou o jornalista ao Notícias da TV. “Há um tempo eu vinha falando que queria me aposentar, e a direção pedia para ficar mais um pouco. Agora, a emissora precisou fazer uma mudança e achou que era o momento certo”, disse.

“Qualquer empresa precisa de uma renovação de quadros e eu sabia que isso iria acontecer comigo, que eu seria o próximo”, explicou ele, que vê com bons olhos a entrada de Sandra, que antes comandava o Jornal Hoje, na atração.

“Deixo o programa em boas mãos. Ela é fera, assim como a Glória Maria, e não vejo problemas em ter duas mulheres apresentando [o Globo Repórter]. É moderno, é poderoso”, rasgou o apresentador em elogios às colegas.

“Acredito que a pior parte vai ser me acostumar à nova rotina. A única coisa que eu sei é que não quero apresentar nada, não quero gravar textos nem fazer locução. Já li muitos textos na vida”, concluiu Chapelin sobre sua rotina pós-TV.

Fonte: Observatório da Televisão

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Ver também