Camilo (Lee Taylor) e Vivi (Paolla Oliveira) em A Dona do Pedaço (Reprodução)

Home » Novelas

Vivi acoberta assassinato e vira alvo da polícia

Nos próximos capítulos de A Dona do Pedaço, Vivi Guedes (Paolla Oliveira) irá se meter em uma situação inimaginável. A blogueira irá virar alvo da polícia. A famosa passa a ser monitorada de perto depois da morte de Cosme (Osvaldo Mil). Com isso, Vivi alega que sofreu uma tentativa de sequestro, mas não tem nenhuma pista de como isso possa ter acontecido. Para piorar a situação, Chiclete (Sérgio Guizé), seu namorado, desapareceu.

A confusão começa com Cosme cansado de esperar que o pistoleiro lhe entregue a encomenda, o corpo de Vivi. O motorista percebeu que Chiclete se apaixonou por ela e não vai realizar o que havia sido combinado, que inclusive, já tinha sido pago. Por conta disso, Leandro (Guilherme Leicam) é enviado por Adão (Cesar Ferrario) para assassinar Vivi Guedes. Contudo, Chiclete consegue impedir que Vivi fosse assassinada.

Vendo tudo isso de acontecer de perto, Cosme toma uma atitude e decide ele mesmo matar a vítima. Ele encontra um conhecido e obtém uma arma calibre 38. Sem dar detalhes de como vai agir, volta para casa. Numa noite comum, todos na casa de Vivi aguardam Chiclete para servir o jantar. De repente, o motorista aparece e Vivi pede a ele para avisar quando o namorado estiver chegando porque quer recebê-lo do lado de fora da casa. 

Com a oportunidade perfeita passando pela sua cabeça, o pai da finada Edilene (Cynthia Senek) desliga as câmeras de segurança e chama Vivi, mentindo que Chiclete está chegando na residência. A morena sai sozinha e Cosme saca a arma, avisando que ela vai morrer por causa da morte de sua filha. Cosme revela que Edilene faleceu por culpa do pai da blogueira e, por isso, ele quer pagar na mesma moeda, com Otávio (José de Abreu) passando pelo mesmo sofrimento que ele viveu.

Desesperada, Vivi tenta convencê-lo de que isso é um erro e que eles podem conversar melhor. Entretanto, Cosme parece decidido a atirar e, no último instante, Chiclete, que chegou sem que ninguém percebesse atira nas costas do motorista para salvar a vida da amada. Com isso, Vivi é salva. O barulho de tiro chama a atenção dos familiares dela, mas, rapidamente, ela ajuda o namorado a fugir e inventa que tentaram sequestrá-la.

Mais tarde, com o inquérito aberto, Camilo (Lee Taylor), investigador de polícia e ex de Vivi, acha tudo muito estranho e encontra Evelina (Nívea Maria), no apartamento de Maria da Paz (Juliana Paes). “Estranho. Uma mulher como a senhora, mãe de família, não se assustou com a palavra assassinato”, reage Camilo ao falar a razão de estar ali. A mãe da empresária conta que já sofreu muitas perdas na vida, mas prefere não entrar em detalhes.

Ao questionar sobre quem morreu e saber que se trata de Cosme, ela finge demência para não prejudicar Chiclete. “Não entendi o que o Chiclete tem a ver com isso. (…) Eu não sei onde quer chegar com isso. Sinto muito por esse motorista. Mas pra ser sincera…”, diz. 

O investigador, então, tenta entender por que Chiclete saiu da casa de Maria da Paz, mas Evelina tenta desconversar e não revela que o sobrinho é um matador de aluguel. Em seguida, eles se despedem e o policial volta para a delegacia. Lá, passa a monitorar o celular de Vivi. Para ele, a ex vai entrar em contato com Chiclete e poderá, então, saber em que local ele se esconde.

“A Vivi abriu o celular dela, achei que ia falar com o Chiclete. Só pegou o número. Deve ter usado outro celular. Eu já pedi pra monitorarem todos os números da casa dela”, afirma Camilo ao delegado. É importante frisar que Vivi tem certeza de que está sendo vigiada e, por isso, não usará seu telefone para falar com Chiclete. Ela apenas o abriu para, realmente, obter o número do amado e, então, telefonar por meio do aparelho de Fabiana (Nathalia Dill).

O capítulo está previsto para ser exibido na próxima sexta-feira (2), às 21h15, pela TV Globo.

Fonte: Observatório da Televisão

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Ver também