Alfredo (Nicolas Prattes) em Éramos Seis

Home » Novelas

Desesperado, Alfredo decide roubar seu patrão

Nos próximos capítulos de Éramos Seis, da TV Globo, Alfredo (Nicolas Prattes) descobre que seu patrão, Osório (Nicola Siri) está envolvido num esquema de venda de peças roubadas, retiradas de carros importados, e vai agir para tirar proveito disso. O homem que já havia ameaçado diminuir os salários dos funcionários devido ao baixo movimento da oficina mecânica vai lidar com a fúria dos funcionários.

Tudo começa quando Osório faz o pagamento pela metade, e quando Alfredo e Tião (Izak Dahora) reclamam, ele dispara: “Se não estão satisfeitos, reclamem com o governo, com o presidente, com o papa ou com os americanos, eles são responsáveis pela crise. Não fosse a quebra da bolsa, a economia brasileira não estaria em pandarecos… Você pode procurar outro emprego, por que não? Não esquenta em lugar nenhum Tião. Deve ser esta empáfia que tem”.

Tião fica com raiva já que todo o seu salário é destinado a pagar o aluguel do lugar em que mora com sua mãe. “Vamos dar a volta neste sujeito. Ele não tem aquele monte de peças roubadas guardado? Vamos pegar uma e vender, é justo”, diz o rapaz, mas Tião é contra o plano e alega que isso é roubo.

“Pra dar queixa de que sumiram peças roubadas? Ele tem o rabo preso, não vai poder falar nada. O danado está merecendo”, continua Alfredo que entra no escritório do patrão e pega algumas peças, mesmo com Tião dizendo que não é bom que ele faça isso. No mesmo dia, ele promete à Lola (Gloria Pires) que contribuirá em casa, tanto ou mais que Carlos (Danilo Mesquita), que deve estar se sentindo por ter conseguido um emprego no banco.

Éramos Seis é exibida de segunda a sábado, às 18h30, pela TV Globo.

Fonte: Observatório da Televisão

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Ver também