Julinho (André Luiz Frambach) em Éramos Seis.

Home » Novelas

Assad faz proposta imoral para Julinho

Nos próximos capítulos de Éramos Seis, da TV Globo, Julinho (André Luiz Frambach) acabará recebendo uma proposta inusitada. Depois de acreditar que Assad (Werner Schünemann) fecharia a loja em que ele trabalha e ficar desesperado, o garoto acaba vendo o patrão oferecer para Almeida (Ricardo Pereira) um alto cargo, e ficando revoltadíssimo. Porém, ele também receberá uma proposta diferente de trabalho.

Tudo começa quando ele se queixa de toda a situação com Soraia (Rayssa Bratillieri). “Não gosto de ser injustiçado. Eu estava certo que o Almeida ia pedir demissão, e eu melhorar minha posição na loja. Mas foi tudo ao contrário: o promovido foi o Almeida, e eu fiquei a ver navios”, desabafa o rapaz. A filha mimada do ‘turco’ então tem uma ideia, e chama Karine (Mayana Neiva) para uma conversa.

“Estive pensando. Se o Julinho fosse para o Rio, eu ia gostar mais… Ia ter companhia… E se você convencer o papai a levar o Julinho, eu não criarei problemas, me mudo com vocês pro Rio feliz da vida! Serei a melhor companhia!”, fala a moça para a madrasta que avisa que Assad nunca aceitará seu romance com Julinho, mas ela está convicta que conseguirá dobrar o pai.

Karine então convence Assad de que é menos arriscado levar Julinho do que contratar alguém que ele terá que treinar, fora o fato de que Soraia já terá o rapaz como amigo, e não demorará a se adaptar. Quando o patrão lhe faz a tal proposta, Julinho fica deslumbrado.

“No começo pode ser um pouco de sacrifício, mas posso dar vantagens. Depois, se tudo der certo, vai progredir muito na vida… É claro que vai ficar longe da sua família… Sua mãe vai sentir a sua falta… e tem a namoradinha, não é? Ela pode esperar e não vai se arrepender! E então, o que acha?”, questiona o comerciante, e o rapaz responde animado: “Eu vou, seu Assad, eu vou!”. Resta saber se Lola (Gloria Pires) e Lili (Triz Pariz) vão aceitar isso.

Éramos Seis é exibida de segunda a sábado, às 18h30, pela TV Globo.

Fonte: Observatório da Televisão

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Ver também